Home Destinos InternacionaisEuropaPortugalLisboa Transportes em Lisboa: como andar de ônibus, metrô, trem e bonde

Transportes em Lisboa: como andar de ônibus, metrô, trem e bonde

por Fernanda

Atualizado em 22 de outubro de 2020

Lisboa é uma das cidades mais desejadas pelos brasileiros que vão para Europa. No planejamento da viagem, surgem muitas dúvidas, incluindo a questão do deslocamento pela cidade.

Como já morei na capital de Portugal e voltei para lá diversas vezes nos últimos anos, posso dizer que os transportes em Lisboa são muito eficientes e não há necessidade de alugar carro para chegar nos pontos turísticos da cidade.

Aliás, estacionamento na região histórica é algo complicado e caro, então recomendo mesmo usar e abusar do bom transporte público disponível.

Veja então quais são os transportes em Lisboa e como andar de ônibus, metrô, trem e bonde na cidade.

Já contratou o Seguro Viagem?

  • Você sabia que um seguro viagem com cobertura mínima de 30.000 euros é obrigatório para entrar em Portugal? Ele pode ser solicitado pelo agente de imigração no momento da sua entrada. E, mesmo que não fosse, vale a pena economizar em um item tão importante? O seguro é mais barato do que você imagina e fica ainda mais barato com os 10% de desconto oferecido aos leitores do Preciso Viajar.
  • Faça já a sua cotação com desconto
  • Basta colocar os seus dados e cotar o seguro. O desconto é concedido automaticamente. 
  • Devido ao momento atual, verifique com atenção se o seguro que você está contratando cobre pandemias. 
transportes em lisboa
O famoso elétrico 28

Transportes em Lisboa: dicas práticas

Cartão Viva Viagem

Primeiramente, eu recomendo a compra do cartão Viva Viagem para usufruir ao máximo os transportes em Lisboa.

Mas o que é o Viva Viagem? É um cartão eletrônico de aproximação individual, reutilizável e tem duração de 1 ano. O valor é 0,50€ por cartão.

Há duas cores do cartão Viva Viagem: verde e branco. Em teoria, os dois têm a mesma finalidade e só divergem dos operadores de abrangência. Mas, se puder escolher, pegue logo o verde porque ele vale para todos os operadores de transporte.

andar de metrô em Lisboa
Máquinas para comprar e recarregar o cartão Viva Viagem. Sergey Dzyuba / Shutterstock

O único “porém” do Cartão Viva Viagem é que ele não é um bilhete inteligente como o Oyster de Londres, por exemplo.

O cartão Viva Viagem permite apenas um carregamento por vez. Suponha que você tenha comprado um passe diário: enquanto esse passe não vencer, você não consegue carregar o cartão com outro tipo de bilhete, como um bilhete individual, por exemplo.

Esses são os bilhetes disponíveis para compra no Cartão Viva Viagem: individual, bilhete diário (com combinação Carris/Metro; Carris/Metro/Transtejo; Carris/Metro/CP ou então o bilhete Zapping (você faz um pré-carregamento de créditos e o saldo é descontado a cada vez que você utiliza o transporte público.

Dica: se você for usar o transporte público mais que 4 vezes no dia, vale a pena comprar o bilhete diário.

Há diversos pontos de venda do cartão, mas o mais fácil é prático é comprar em uma das máquinas que vendem os bilhetes de metrô (dentro das estações).

Mais informações sobre o Viva Viagem: https://www.metrolisboa.pt/comprar/cartao-viva-viagem/

Metrô: transportes em Lisboa

Eu gosto muito do metrô de Lisboa, pois é extremamente fácil de usar (veja o mapa abaixo). A rede tem apenas 4 linhas com 56 estações e elas são divididas por cores: vermelha, verde, azul e amarela.  A linha vermelha vai até o aeroporto e as linhas azul e verde percorrem as principais atrações turísticas.

andar de metrô em Lisboa
Mapa do metrô de Lisboa

As estações são bem sinalizadas e não há dificuldade para fazer baldeação quando necessário. Além disso, há painéis eletrônicos nas estações e você pode acompanhar o tempo que falta para a chegada do próximo metrô.

Vou deixar aqui as principais estações utilizadas pelos turistas. Se o seu hotel não for muito central, veja se ele fica próximo de alguma estação do metrô, preferencialmente das linhas azul ou verde.

  • Aeroporto – linha vermelha.
  • Oriente – linha vermelha. Estação do Parque das Nações e Shopping Vasco da Gama.
  • Colégio Militar/Luz – linha azul. Estação do Shopping Colombo.
  • Jardim Zoológico – linha azul. Estação da rodoviária e da estação de trem 7 rios.
  • Marquês de Pombal – linha azul. Uma região para hospedagem. Já fiquei e recomendo: Hotel Expo Astoria (RESERVE AQUI), Hotel HF Fenix Garden (RESERVE AQUI).
  • Restauradores – linha azul. É a mais próxima da estação de trem do Rossio. Trens para Sintra.
  • Baixa-Chiado – linhas azul e verde.
  • Rossio – linha verde. Ótima região para hospedagem. Já fiquei no Hotel Browns Downtown (RESERVE AQUI) e no Hostel Travellers House (RESERVE AQUI). 
  • Cais do Sodré – linha verde. Estação de onde saem os trens para Cascais e os barcos para Cacilhas (Cristo Rei).

Horário de funcionamento do metrô: diariamente das 6h30 à 1h.

Site do Metro de Lisboa:  https://www.metrolisboa.pt/

como andar de metrô em Lisboa
O metrô de Lisboa

Ônibus (autocarros)

Carris é o nome da empresa de ônibus e bondes de Lisboa, por isso o nome do passe é Metro/Carris. Apesar de não ser muito popular entre os turistas, a rede de ônibus funciona muito bem.

E o site da Carris é bem completo e tem até um simulador (https://www.carris.pt/viaje/planear-viagem/). É só colocar onde você quer ir e ele diz quais as linhas de ônibus passam naquele local.

Site Carris: http://www.carris.pt/

transportes em lisboa
Ônibus em Lisboa. Foto: Shutterstock por Jose HERNANDEZ Camera 51

Bondes (elétricos)

Os bondes são bastante populares entre os turistas, mas também são utilizados pelos lisboetas para chegar em regiões não atendidas pelo metrô, como Alfama, Graça e Castelo, por exemplo.

Para andar nos bondes é extremamente recomendável portar o cartão Viva Viagem porque a viagem sai pela metade do preço. O passe diário Carris/Metro também permite viagens nos bondes.

A Carris também é a empresa responsável pelos bondes, chamados de “elétricos” pelos portugueses.

carris lisboa preciso viajar
Bonde (Elétrico) operado pela Carris

Os bondes vintage como o da foto acima são uma sensação com os turistas, mas eu recomendo ter bastante atenção aos seus pertences, especialmente na rota do “Eléctrico 28”. Os carteiristas fazem a festa e furtam mesmo carteiras e celulares. Não descuide!

No entanto, Lisboa também tem uns bondes mais modernos. Se você for até Belém, por exemplo, provavelmente pegará um desses modelos maiores de bonde, Eu particularmente prefiro, pois são mais confortáveis e há mais espaço para sentar.

transportes em lisboa
Bonde (elétrico) versão moderna

Trem (Comboio)

Outro meio de transporte em Lisboa é o trem (comboio). A empresa de trens que opera em Lisboa é a CP. Caso queira comprar um passe diário que inclua o trem, o bilhete a ser comprado é o Carris/Metro/CP, porém é necessário verificar a abrangência do passe. Na dúvida, pergunte na bilheteria da estação.

Procure pelas linhas de comboios urbanos de Lisboa. São 4 linhas e 67 estações. As linhas mais comuns utilizadas pelos turistas são a linha de Cascais e a linha de Sintra.

Site: https://www.cp.pt/passageiros/pt/como-viajar/urbanos-lisboa

estação de trem de sintra portugal
Estação de Trem em Sintra. Foto: Shutterstock por Peter Moulton

Elevadores: transportes em Lisboa

Não é à toa que Lisboa também é conhecida por “Cidade das 7 Colinas”. Os elevadores também são um dos transportes em Lisboa e são operados pela Carris.

São 4 elevadores no total: Elevador da Santa Justa, Ascensor da Bica, Ascensor do Lavra e Ascensor da Glória. Você pode utilizar o cartão Viva Viagem em todos.

Site: https://www.carris.pt/descubra/frota/ascensores-e-elevador/

elevador da bica
Lisboa: Elevador da bica

Ferry

Outra possibilidade de transporte em Lisboa é o ferry. Opção para quem quer visitar o Cristo Rei, por exemplo.

Aliás, super vale a pena visitar o Cristo Rei. Na minha opinião é lá que você tem a melhor vista de Lisboa. Saiba tudo sobre o Cristo Rei.

A empresa responsável pelos ferries é a Transtejo. Caso queira comprar um bilhete diário que inclua essa opção de transporte, compre o bilhete Carris/Metro/Transtejo.

Site: https://ttsl.pt/

transportes em lisboa
Interior do ferry de Cacilhas

Viu como é tranquilo utilizar os transportes em Lisboa? Dá para se virar muito bem só com o transporte público sem a necessidade de alugar um carro.

Inclusive dá para fazer muita coisa a pé na região da baixa (centro histórico). E, para finalizar, outra boa notícia é que os preços de táxi e uber são bem razoáveis, então se você estiver com muitas malas para ir para o aeroporto, por exemplo, vale a pena considerar pegar um táxi ou uber.

Dicas de Hospedagem em Lisboa

  • A área de Marquês de Pombal possui preços mais atrativos e está próxima do centro. Já fiquei nos seguintes hotéis e recomendo todos: Hotel Expo Astoria (RESERVE AQUI), Hotel HF Fenix Garden(RESERVE AQUI) e Hotel Exe Liberdade (RESERVE AQUI). 
  • Na Baixa (centro histórico), fiquei no Hotel Browns Downtown (RESERVE AQUI) e no Hostel Travellers House (RESERVE AQUI). 
  • Outra área interessante para hospedagem é a área da Avenida da Liberdade. Já fiquei no Hotel Ibis Liberdade (RESERVE AQUI). 

Artigos Relacionados

Deixe um Comentário