Home Destinos InternacionaisOceaniaAustráliaSydney O que fazer em Sydney

O que fazer em Sydney

por Fernanda

Poucas cidades no mundo são tão fotogênicas como Sydney. A maior cidade da Austrália é vibrante, seus moradores são obcecados pelas maravilhosas praias e se você visitar Sydney durante os meses mais quentes, não deixe de aproveitar os belos dias de calor na praia. É fato que em Sydney cada passeio rende um flash. Fica aqui uma sugestão o que fazer em Sydney.

O que fazer em Sydney

[viaje-tranquilo categoria=’outros’]

 

1) É difícil chegar em Sydney e não querer ir direto para a Opera House, um dos cartões postais mais famosos do mundo. A Ópera “diferentona” é realmente linda. Se você quiser conhecer o interior, há a opção de comprar um tour. Caso tenha algum concerto durante os dias da sua viagem, você pode aproveitar para assistir a um concerto na Opera House. Que tal?

o que fazer em syney

Opera House

2) E ali pertinho da Opera House está outro ícone de Sydney: a Harbour Bridge. A ponte é um encanto só. Há a possibilidade de escalar a ponte e ter acesso as melhores vistas de Sydney. Se a grana estiver curta, outra opção é cruzar a ponte a pé.

o que fazer em sydney

Harbour Bridge

3) Se você optou por cruzar a ponte a pé, sugiro uma parada em Milsons Point, o lugar que oferece – na minha opinião – o melhor ângulo da Opera House. Se quiser entrar na vibe australiana, faça um piquenique por lá enquanto aprecia toda a beleza da baía de Sydney.

o que fazer em sydney

Milsons Point

4) Voltando para o lado de cá da pontem sugiro uma passeada pela área chamada The Rocks, o bairro mais antigo de Sydney. Foi lá que a cidade nasceu. Hoje o bairro é um mix de edifícios históricos, pubs, restaurantes, lojas descoladas e oficinas de artesanato. Foi lá que me hospedei no hotel Holiday Inn Old Sydney. A localização do hotel é privilegiada e a cobertura (onde fica a piscina) tem uma vista matadora para a Opera House e Harbour Bridge.

5) Se você curte arte, uma ótima pedida na região é conhecer o Museu de Arte Contemporânea, que inclui inclusive um acervo de arte aborígene.

Sugestões de hotéis em Circular Quay e The Rocks

6) Depois de explorar a área de Circular Quay (onde fica a Opera House e Harbour Bridge) sugiro uma caminhada pelo lindíssimo Royal Botanical Garden. São 30 hectares de verde no centro da cidade e ainda oferece vistas incríveis da baía a partir do Mrs Macquaries Point.

o que fazer em sydney

Vista que se tem de Mrs Macquaries Point

7) Terminada a caminhada pelo Royal Botanical Garden é hora de explorar a parte mais agitada de Sydney: a City. O centro financeiro e comercial é uma muvuca. Pontos a serem visitados na City: Town Hall, Martin Place, Catedral St. Andrew’s. Se você quer fazer umas comprinhas, são muitas as lojas nessa região (inclusive dentro de galerias subterrâneas) e ainda tem o shopping Westfield. É lá que fica a Torre de Sydney.

8) Ainda no centro, sugiro uma voltinha pelo Hyde Park, um dos parque mais famosos da cidade.

Sugestões de hotéis na City

9) Se você é da turma do agito, Kings Cross pode ser uma boa opção noturna. Aproveite e dê uma espiada no famoso letreiro da Coca Cola.

10) Vamos continuar viagem para Bondi Beach, a praia mais descolada de Sydney. Uma boa pedida é comer um fish and chips (peixe e batata frita) por lá. Se dinheiro não for problema, recomendo almoçar no icônico Bondi Icerbergs Club. Os preços são salgadinhos, mas a vista…ah, a vista! Olha a piscina do clube.

o que fazer em sydney

 

11) Eu costumo fazer essa caminhada ao contrário (começando em Coogee), mas a caminhada Bondi – Coogee é imperdível seja qual for a rota. São 6 km de paisagens surreais.

12) E que tal nadar em uma das inúmeras piscinas públicas? Nada mais “aussie” do que isso.

o que fazer em sydney

Piscina pública

13) Já que estamos falando em praias, outra praia que recomendo é Manly. Para chegar lá, você tem que pegar um ferry em Circular Quay. Dica: vá na parte externa, porque o ferry passa pertinho da Opera House e a vista é maravilhosa.

14) Uma vez em Manly, dê uma esticadinha até Shelly Beach.

o que fazer em sydney

 

15) Voltando para Circular Quay, outra sugestão é pegar um ferry até Darling Harbour. Eu particularmente adoro Darling Harbour e acho uma das áreas mais bonitas de Sydney, apesar de ser bem pega-turista e ter atrações de gosto duvidoso. Mas vale a pena dar uma passeada por lá. Só recomendo evitar os restaurantes, porque são caros e não são muito bons.

o que fazer em sydney

Darling Harbour

Sugestões de hotéis em Darling Harbour

16) Aproveite a ida até Darling harbour e visite o Chinese Garden of Friendship, um jardim chinês para lá de simpático.

17) Não muito longe de Darling Harbour está o Fish Market, o famoso mercado de peixes de Sydney. Chegue cedo se quiser almoçar por lá, porque ele lota no horário do almoço.

o que fazer em sydney

 

18) E para quem quer sair de Sydney com algumas lembrancinhas, a dica é ir até o Paddy’s Market (pertinho da Chinatown). É lá que você vai encontrar os souvenirs mais baratos e até mesmo aquelas camisetas infames: “minha tia foi para Sydney e tudo que ganhei foi essa camiseta”. Eu só não trouxe uma para o meu sobrinho porque não encontrei em tamanho infantil. 😛

19) Falando em Chinatown, vale a pena dar uma passeada por lá. E se for fã de comida chinesa, lá é o lugar para comer bem e barato.

20) Se você ainda tem tempo livre, vale a pena reservar um dia e ir até Watsons Bay. O lugar é lindo.

o que fazer em sydney

Watsons Bay

Sydney é enorme e cheia de nuances, então essa é apenas uma sugestão o que fazer em Sydney.

Evite filas. Compre antecipadamente.

Leia mais sobre Sydney

Artigos Relacionados

Deixe um Comentário