Home Destinos InternacionaisEuropaFrançaParis Paul: anote esse nome se for para Paris

Paul: anote esse nome se for para Paris

por Manu

Atualizado em 23 de dezembro de 2017

O Paul é uma Boulangerie. Mas, afinal, o que é uma Boulangerie? Boulangerie é PADARIA em francês! Minha opinião: é muito mais bonito do que falar padaria e até parece que dá um ar de ser algo a mais para o lugar!

Dica de onde comer em Paris

Talvez o Paul realmente seja algo a mais!

Você pode escolher comer lá dentro ou pode levar para casa. Os preços são razoavelmente diferentes. Então, leve para comer no parque ou em uma praça, assim pode apreciar os monumentos, curtir um solzinho e fazer um piquenique.

No entanto, se o dia estiver feio, não tem problema, pois o menu a la carte deles tem saladas, sanduíches, hambúrgueres. Eles têm desde o baguete tradicional até uma pizza que eles esquentam na hora (essa foi a minha escolha de sempre).

No café da manhã, eu acordava cedo e comprava alguma coisa lá: baguete, croissant, pain du chocolat, chuasson des pommes, palmier. Era sempre algo gostoso e o mais legal é que tem sempre algo fresquinho saindo.

Como em todos os lugares, eles também fazem o tal do combo: salgado + sobremesa + bebida = 5 a 9 euros.

paul

O combo fechado

paul

Detalhe do salgado

Ai é que a casa cai! Os doces! OH MY GOD! DIVINOS! Eu comia sonhando! Eles têm um macaron gigante recheado de framboesa que eu ficava nas nuvens! E as tortas cítricas eram deliciosas também.

paul

A apresentação dos produtos é demais!

paul

Torta maravilhosa!

Eles estão acostumados com o grande volume de turistas, então, pode falar inglês que eles vão entender. Eu falava francês e eles me respondiam em inglês. Ninguem pode dizer que eu não tentei!

O melhor do Paul é que ele tem franquias pela cidade toda. Você pode acessar o site  http://www.paul.fr/e ver qual franquia é mais próxima do seu hotel ou dos pontos turísticos que irá visitar ao longo do dia.

Espero que vocês gostem do Paul tanto quanto eu gostei.

Recomendações:

Para lanches, refeições leves, piqueniques.

Localização: em diversos locais da cidade

Artigos Relacionados

4 comentários

Jorge 19 de agosto de 2014 - 17:16

Muita vez almocei no Paul, a baguete com aquele pao estaladiço (baguete tradicional cozida a lenha), nas minhas idas ao Consulado do Brasil na Champs de Elyses… saudades.

A parte boa do Paul, é que sem dúvida ir uma boulangerie com nome de Homem, é o sonho da mulherada e existe em tudo o que é galeria de supermecado …

C’est ça c’est bon!

Reply
Manu 19 de agosto de 2014 - 17:44

Olá Jorge,
Bom saber que outras pessoas também tiveram boas experiências com o “Paul”. 🙂

O baguete fresquinho e estaladiço era demais!

Bisou bisou

Reply
Jorge 20 de agosto de 2014 - 09:58

Sim, adorei realmente essa cadeia de franchising,o pão era divinal… e o ambiente fazia-me recordar consecutivamente o vintage dos anos 20. Por outro lado o café expresso era bom (coisa rara em França) risos.

Bisous!

Reply
Jorge 4 de janeiro de 2016 - 16:50

Ola Manu,

novidade…. vindo de Portugal em dezembro 2015 para o Brasil, encontrei o “Paul” nas galerias do Aeroporto de Lisboa, parece que o sucesso é tanto que está virando franchising. Estava tentando colocar foto no comentário mas ainda não é possível. Abraço

Reply

Deixe um Comentário