Home Destinos InternacionaisAméricaMéxicoCidade do México Onde ficar na Cidade do México

Onde ficar na Cidade do México

por Fernanda

Atualizado em 23 de dezembro de 2017

Uma das grandes dificuldades que tive ao planejar minha viagem foi a escolha do hotel na Cidade do México. A cidade é gigante, o que significa que tudo é longe. A sorte é que o metrô é bom, embora já vi muita gente reclamando, mas sinceramente não sei o que certas pessoas esperam de um metrô. O que eu espero – que cruze a cidade inteira, que seja rápido, que seja barato. O que vier a mais é lucro. Saiba mais sobre o metrô do México. Resumindo: recomendo um hotel que fique próximo ao metrô.


Não fique desprotegido durante as férias no México!
Contrate o seguro viagem e ainda ganhe até 10% de desconto.
 
 

Onde ficar na Cidade do México

Qual bairro ficar?

Aí vai de cada um e do estilo da viagem. Mas, de forma bem resumida, seguem algumas recomendações:

Centro Histórico – Zócalo

Foi a localização* que eu escolhi e não me arrependi. Eu gosto de ficar em áreas centrais e que dê para fazer bastante coisa a pé. Também considero um “plus” a área ter vários cafés e restaurantes.

Bom, na verdade o meu hotel não era bem no Zócalo. Dava umas 6 quadras da Catedral, umas 3 do metrô e ficava bem pertinho da Chinatown. Consegui fazer muita coisa a pé durante o dia e de noite também me sentia segura nas quadras próximas ao hotel.

Segue abaixo o hotel que fiquei e outros bem avaliados na região.

A localização é ótima. O hotel é simples, os quartos são pequenos e só têm ventilador, mas o banheiro é muito bom. A parede do meu quarto era fina e às vezes dava para escutar o barulho do corredor. Não me atrapalhou, mas se você tem o sono leve é bom levar isso em consideração.

Hotel 4 estrelas, com localização privilegiada. Fica próximo da Catedral Nacional e da Praça da Constituição. Os quartos são espaçosos e modernos e a equipe de funcionários é muito prestativa. Destaque para o restaurante com vista para o Zócalo.

Hotel 4 estrelas. Localização central, próximo da Catedral Metropolitana. Os quartos são modernos e possuem isolamento acústico. Destaque para os funcionários, que são muito prestativos. Fácil acesso a muitos pontos turísticos.

Diárias a partir de U$55

Academia

Wi-fi e estacionamento gratuitos

Bar e restaurante

Próximo ao metrô

Promoções para Hotel Marlowe

Diárias a partir de U$130

Academia

Wi-fi e estacionamento gratuitos

Bar e restaurante

Promoções para Zocalo Central

Diárias a partir de U$95

Academia

Wi-fi grátis

Bar e restaurante

Promoções para NH México City

Polanco

Puro glamour, se for para definir o bairro em apenas duas palavras. Tudo de luxo que você possa imaginar. O bairro é lindo e reduto dos ricos e famosos. Eu sinceramente achei um pouco longe dos pontos turísticos, mas é realmente lindo. Se você quer ver gente bonita ou quer fazer umas comprinhas nada básicas, não tenha dúvidas e escolha Polanco. Obviamente os preços dos hotéis são mais elevados nessa região.

Hotel 4 estrelas, localizado a poucos metros da Torre Mayor e do Castelo e Parque de Chapultepec, Museu de História e Antropologia e Auditório Nacional. Tem fácil acesso a  várias lojas e restaurantes. É um dos melhores custo x benefício do bairro.

Hotel 5 estrelas, boutique, super luxuoso. Está localizado bem no centro de Polanco e a poucos minutos a pé da rua Masaryk. Também tem fácil acesso para restaurantes e um shopping. Os quartos são modernos e espaçosos.

Diárias a partir de U$88

Academia e Restaurante

Wi-fi grátis

Promoções para Wyndham Garden

Diárias a partir de U$270

Wi-fi e estacionamento gratuitos

Bar e restaurante

Promoções para Busue

La Condesa

Esse é o bairro dos barzinhos, descolado e bastante agitado. Super recomendável para quem está a fim de curtir a noite mexicana, que é super animada.

Hotel super aconchegante. Os quartos são espaçosos e elegantes. O hotel fica a 15 minutos a pé do Parque Chapultepec e no centro de La Condesa, próximo de muitos bares e restaurantes. Ótimo custo x benefício na região.

Hotel 4 estrelas. A decoração é toda mexicana. Os quartos são lindos, espaçosos e confortáveis. O hotel tem fácil acesso a vários bares e restaurantes. A equipe de funcionários do Maria Condesa é bastante prestativa.

Diárias a partir de U$99

Wi-fi grátis

Quartos com AC e calefação

Promoções para Casa Condesa Amatlan

Diárias a partir de U$174

Wi-fi e estacionamento grátis

Sauna

Promoções para Maria Condesa

13 comentários
0

Artigos Relacionados

13 comentários

Mario Teixeira 13 de setembro de 2013 - 18:22

Estou dando de presente ao meu pai, de 74 anos, uma viagem de aniversário em dezembro. Vi uns hotéis legais e vou ficar em um que, pelas fotos, parece bem pitoresco, perto da Praça Garibaldi.
Realmente, ler sobre a Cidade do México é difícil, pois a cidade é gigante.. Vou ficar uma semana.. espero que ele curta.
Abraços e parabéns pelo post.. ajudou.
Mario

Reply
Fernanda 13 de setembro de 2013 - 20:22

Confesso que me surpreendi com a Cidade do México. Amei de verdade e não tava esperando o que realmente é. Acho que vocês vão curtir.

Reply
Claudia - TRIPS 13 de setembro de 2013 - 20:51

Oi Fernanda!!!

Eu fiquei em próximo do zócalo e não me arrependi. O hostel era a 2 quadras, foi fácil visitar Tenochtitlan e depois pegar o metro e onibus para ir a Teotihuacan ( que para mim, são os grandes baratos de lá ). Hj mesmo escrevi sobre a Cidade do México kkkk. Eu acabei ficando só 2 dias, de 1 mês inteirinho que passei no México. Mas com um país daquele tamanho, foi pouco tempo. Que país lindo!!!

tripsincriveis.blogspot.com

Reply
Fernanda 13 de setembro de 2013 - 20:54

No Hostel Catedral da HI? Era o que eu queria ter ficado, mas não rolou. Eu fiquei umas 6 quadras do Zócalo e voltaria e ficaria naquela região de volta. Foi bem tranquilo mesmo ir para as pirâmides de metrô. Eu fiquei 3 dias, mas tenho que voltar. Muito pouco tempo.

Reply
Claudia 13 de setembro de 2013 - 21:34

Nao, fiquei no “amigos downtown” ou algo parecido. Nao era mto bom. O quarto era bonzinho, mas dava para ouvir toda galera chegando da night. E o cafe sempre atrasava. O bom mesmo foi a localizacao.

Reply
Adriana Lopes 13 de setembro de 2013 - 21:43

Oi Fernanda,
Estou super interessada em visitar a Cidade do México e principalmente conhecer a pirâmide de Chichén Itzá que fica em Yucatán considerada uma das 7 Maravilhas do Mundo, você foi até lá???

Reply
Fernanda 15 de setembro de 2013 - 20:26

Não fui. Choveu muito uns dias antes de eu chegar na região e as estradas estavam alagadas. Não deu para ir.

Reply
Alana 22 de janeiro de 2014 - 19:22

oi Fernanda,

estou com muita vontade de ir à Cidade do México, vc precisou de quais documentos para viajar? Precisou do Formulário que tem que preencher ou isso foi abolido? quero saber também como é a questão da segurança lá. É muito perigoso? vou sozinha com meu filho.

Reply
Fernanda 23 de janeiro de 2014 - 16:23

Eu entrei com o passaporte italiano, mas acho que o visto já está liberado para brasileiros sim.
Não achei perigoso.

Reply
Mario Teixeira 23 de janeiro de 2014 - 19:01

Boa tarde. Estive no México no final do ano. Fiquei na Cidade do México mesmo, visitando no máximo as pirâmides de Teutihuacan (pirâmidos do Sol e da Lua).
Brasileiros precisam apenas do passaporte e o formulário que vc recebe no avião (aqueles onde coloca nome, número do passaporte, número do voo e endereço de onde vai ficar).
A cidade é bem segura. Tem polícia em cada esquina, principalmente na área Central (Praça Zócalo), Paseo de la Reforma e Zona Rosa. O pessoal é bem amável e cooperativo.
Trocar dólares é muito fácil. Tem várias “casas de câmbio” nas ruas, mas é preciso ver onde o preço é melhor. Até 499 dólares não há necessidade de mostrar qualquer documento. Quando estive lá a taxa estava a US$ 1 = 12,75 pesos mexicanos.
Espero ter ajudado.

Reply
Fernanda 23 de janeiro de 2014 - 20:34

Obrigada pelas contribuições, Mario.

Reply
Gabby 8 de janeiro de 2015 - 02:06

Utilizei hoje o serviço da Sitio 300 para ir do aeroporto ao Zócalo. Foi 305 mx. Só que o taxista veio com uma conversa de que a gente tinha que ficar num determinado hotel,sendo que já tínhamos reserva para um hostel. Ele nos levou até esse hotel e disse que pra outro lugar não nos levaria. E ainda cobrou mais 100 mx. Fiquei nervosa, mas mantive a calma e entrei no tal hotel. Contei o que houve para o recepcionista e ele chamou um outro táxi para nos levar ao nosso hostel. Tudo acabou bem, mas não recomendo a Sítio 300!

Reply
Nery Contti Neto 28 de abril de 2015 - 20:27

Oi Fernanda, muito legal seu blog. também escrevi um pouco sobre minha experiência na cidade do méxico, dá uma olhada lá depois! bj

Reply

Deixe um Comentário