Home Destinos InternacionaisAméricaArgentinaBariloche Onde ficar em Bariloche

Onde ficar em Bariloche

por Fernanda

Ao marcar uma viagem para Bariloche surgem muitas dúvidas, especialmente na questão da hospedagem.

Pensando nisso, coloquei aqui nesse post dicas de onde ficar em Bariloche, considerando a época do ano que a viagem será realizada e também se você estará ou não com carro alugado. Só para constar: eu fui para Bariloche no verão (início de março).

Em virtude da pandemia do coronavírus, as fronteiras da Argentina continuam fechadas. A temporada de ski de 2020 provavelmente não irá acontecer, mas fica a sugestão para quando tudo isso passar e pudermos viajar novamente.

Outra coisa: saiba que nem só de inverno vive Bariloche. Pelo contrário, a cidade fica cheia de turistas argentinos durante os meses de verão que aproveitam as belas praias dos lagos.

onde ficar em bariloche
Vista panorâmica do centro de Bariloche. Foto: Shutterstock por Dudarev Mikhail

 Leia também  

Onde ficar em Bariloche 

Onde se hospedar em Bariloche: Centro 

Minha opinião pessoal é que para quem gosta de ter opções para comer, beber, fazer umas comprinhas e vai fora da temporada de neve, o centro é a melhor região para hospedagem em Bariloche. 

Escolhi me hospedar no centro de Bariloche porque não aluguei carro. Não me arrependi e, no meu caso, foi muito útil, já que no centro há muitas agências de turismo, vários restaurantes, lojas de chocolates, sorveterias, o comércio em geral e o lago Nahuel Huapi está a poucos metros do Centro Cívico. Além disso, foi muito fácil fazer câmbio. 

E o melhor de tudo é que é muito seguro. Eu saía para jantar (os argentinos jantam tarde) e voltava a pé para o hotel lá por 22h, 23h sem problema nenhum.

onde ficar em bariloche
Calle Mitre, a principal rua do comércio de Bariloche.

Dica: os hotéis de Bariloche cobram uma eco taxa dos hóspedes. O valor é cobrado em pesos, por pessoa e por dia e varia de acordo com a categoria do hotel. Mas o máximo que pode ser cobrado de cada turista é 3 noites. Caso vá se hospedar em mais de um hotel, guarde o comprovante de pagamento da eco taxa e não será necessário pagar novamente no outro hotel (caso, é claro, já tenha efetuado o pagamento máximo das 3 noites).

Fiquei em 3 hotéis na região central de diferentes padrões. Seguem meus comentários sobre cada um deles. 

Hotel Cristal

O Hotel Cristal (RESERVE AQUI) fica bem na muvuca da Calle Mitre, a principal rua de comércio de Bariloche. A localização é excelente. Literalmente na boca do gol. O hotel em si, apesar de ser anunciado como 4 estrelas, precisa de uma boa reforma. Os quartos são simples e básicos. O wi-fi do hotel também não é muito bom. Há uma piscina aquecida no andar térreo. Não cheguei a utilizar, mas parecia muito boa.  

onde ficar em bariloche
Lounge do Hotel Cristal

O quarto é bem quente e não tem ventilador. Aliás, esse é um grande problema de ir para Bariloche durante os meses mais quentes do ano. Os quartos são preparados para o inverno, mas não para o verão. 

hotel cristal bariloche
Quarto simples, mas confortável.

O café da manhã está incluso na diária. Também não é excepcional, mas tem o básico. Antes da pandemia era servido em sistema de buffet. Não sei como ficará quando reabrir.

Dos 3 hotéis que fiquei em Bariloche, esse foi o que menos gostei. Dou nota 7 principalmente pela localização. Mas se você for ficar poucos dias no centro e quiser um hotel bem localizado e barato, o Hotel Cristal pode ser uma opção.

View Hotel

O View Hotel (RESERVE AQUI) fica a uns 10 minutos de caminhada do Centro Cívico, na metade do morro. A vista do quarto era fenomenal. O hotel é boutique, administrado por um casal. O senhor Carlos (super simpático) me deu várias dicas de restaurantes e o que fazer em Bariloche.

View Hotel
View Hotel

O quarto é simples, mas bastante confortável e bem limpo. Um extra bem vindo foi o ventilador (raridade em Bariloche) e extremamente útil para quem visita a cidade durantes os meses mais quentes. Apesar de ter um ar-condicionado dentro do quarto, eu não consegui utilizá-lo.

onde ficar em bariloche

O café da manhã é simples, mas com boas opções. Gostaria de fazer um adendo: o café da manhã na Argentina é mais doce do que salgado e isso espanta um pouco os brasileiros.

O que eu gostei no View Hotel é que todos os dias os proprietários preparam algumas surpresas e servem nas mesas (sem você pedir). Vale a pena esperar as surpresas chegarem. Antes da pandemia, o café da manhã era servido em sistema de buffet. Não sei como ficará quando reabrir.

onde ficar em bariloche
Surpresas servidas na mesa

A única coisa que me incomodou foi o fato de os hóspedes não terem uma chave da porta de entrada do hotel. Você tem que tocar a campainha e esperar que alguém abra a porta. Não foi necessariamente um problema para mim, pois o hotel estava com poucos quartos ocupados, mas nenhum hóspede chegou de madrugada. Ou seja, não atrapalhou meu sono. Mas se você tem o sono leve, pode ser que isso seja um incômodo.

No mais, gostei muito do View Hotel e indico como uma boa opção de onde ficar em Bariloche. Reserve aqui o View Hotel.

Cacique Inacayal

O Hotel Cacique Inacayal (RESERVE AQUI) – também fica a uns 10 minutos a pé do Centro Cívico – mas não precisa subir nenhum morro, já que fica na beira do lago. 

Peguei um quarto virado para a rua (era mais barato), mas mesmo assim eu tinha uma visão parcial do lago (incrível, por sinal). Achei o hotel em si um pouco barulhento, mas nada que tenha atrapalhado a minha estadia. 

Destaque para o café da manhã que é simplesmente divino e também para a piscina que é aquecida e tem uma vista impressionante para o lago. Peguei dias super quentes em Bariloche, então ainda consegui aproveitar a área externa da piscina (tomando sol). 

Dica: os preços das massagens no spa do hotel são bem justos. Vale a pena presentear-se.

onde ficar em bariloche
Piscina e área externa do Hotel Cacique Inacayal

De todos os hotéis que fiquei, esse era o que tinha a cama mais confortável e o quarto mais bonito. O único problema que posso mencionar a respeito do quarto é em relação ao calor. Não tem ventilador ou ar-condicionado. Novamente, um baita problema para quem visita Bariloche durante os meses mais quentes, mas não é um problema para quem visita durante a temporada de neve.

hotel cacique inacayal
Hotel Cacique Inacayal

O café da manhã do Hotel Cacique Inacayal é excelente. Não sei como ficará pós-covid, mas era um buffet muito bem servido. Outra coisa que adorei no hotel foi o drink cortesia de boas-vindas: espumante, cerveja artesanal, drink sem álcool ou café. Um drink para cada hóspede do quarto.

hotel cacique inacayal
Café da manhã Cacique Inacayal

O Hotel Cacique Inacayal (RESERVE AQUI) foi o meu preferido em Bariloche. É um pouco mais caro, porém se puder investir vale muito a pena.

Outras opções de hotéis no Centro de Bariloche

Como fiquei 7 dias em Bariloche, aproveitei para dar uma boa andada ali no centro e conferir outras opções de hospedagem. Seguem outras recomendações com boas avaliações:

Hotel Tirol (RESERVE AQUI): o Hotel Tirol é um hotel simples, com preço justo e super bem localizado no centro de Bariloche e ainda tem uma vista incrível para o lago. Uma boa opção para quem busca um quarto confortável e perto do principal comércio da cidade.

Nativo Boutique Hotel (RESERVE AQUI) – esse hotel fica perto do Hotel Tirol e também é uma boa opção de hospedagem no centro de Bariloche.

NH Edelweiss (RESERVE AQUI): fica no centro, mas não na muvuca da Rua Mitre. Era uma das minhas opções de hospedagem. Só não fiquei lá, porque o hotel estava lotado.

Soft Bariloche Hotel (RESERVE AQUI) – o hotel também fica na Rua Mitre, porém em uma parte mais calma. 

centro civico de bariloche
Centro Cívico de Bariloche

Onde ficar em Bariloche: Los Kilometros

Se você alugou carro e faz questão de ficar em um lugar mais intimista e com belas vistas do Lago Nahuel Huapi, então considere ficar em Los Kilometros. Na verdade os locais chamam a área de “Los Kilometros”, mas trata-se da Avenida Ezequiel Bustillo que liga o centro de Bariloche ao famoso lago Llao Llao.

O número que constar no endereço do hotel indica a quantos km o hotel está do centro da cidade. Que fique claro: você vai precisar de carro para tudo, mas poderá curtir as praias dos lagos (caso vá no verão) e ficará mais próximo das estações de ski (caso vá no inverno). Durante a alta temporada é bem comum os congestionamentos na avenida.

Nessa região, bons lugares para hospedagem em Bariloche são: Design Suites (RESERVE AQUI), Hotel Rochester Suites & Spa (RESERVE AQUI), Bonita Lake House (RESERVE AQUI), Huinid Bustillo Hotel & Spa (RESERVE AQUI) e Alma del Lago (RESERVE AQUI)

Se dinheiro realmente não for problema e você quiser um lugar mega romântico e com uma vista de cair o queixo, o Hotel Llao Llao (RESERVE AQUI) é a opção mais luxuosa da região.

bariloche
Ao fundo, o luxuoso hotel Llao Llao

Onde ficar em Bariloche: Cerro Catedral

Agora se seu único objetivo em Bariloche for esquiar, considere ficar em um dos hotéis próximos a base do Cerro Catedral que fica a 20 km do centro de Bariloche. Dessa maneira você evitará os congestionamentos e fará seu dia na pista de ski render mais. O único problema é o preço: os hotéis dessa região são mais caros que os do centro.

Boas opções de hospedagem em Cerro Catedral: Club Hotel Catedral (RESERVE AQUI), Hotel Punta Condor (RESERVE AQUI) e Galileo Boutique Hotel (RESERVE AQUI).

cerro catedral bariloche
Cerro Catedral Bariloche. Foto: Shutterstock por Gaston Piccinetti

Villa La Angostura

Achei válido trazer a opção de hospedagem em Villa La Angostura também, mesmo não sendo em Bariloche. Essa charmosa vila fica a 80 km de Bariloche e é uma boa opção para quem procura tranquilidade, lugares charmosos e está com carro alugado. Também acho que é uma boa opção para casais em lua de mel.

Sugestões de onde ficar em Villa La Angostura: Hosteria Traunco (RESERVE AQUI), Hotel Sol Arrayan (RESERVE AQUI), Luma Casa de Montaña (RESERVE AQUI) e El Faro Boutique Hotel (RESERVE AQUI).

villa la angostura
Villa la Angostura

Artigos Relacionados

Deixe um Comentário